Universidade de São Paulo é vencedora do Prêmio Melhores Universidades, na categoria Melhores por Área de Conhecimento - Ciências Exatas e Informática (instituições públicas).

 

colli sala aula 700

Optativa livre MAP2003 - Panoramas da Matemática pretende tornar a matemática mais próxima de alunos de outras áreas e cursos da USP. Fora da universidade, o programa Embaixadores da Matemática oferece palestras gratuitas de alguns de nossos professores em escolas públicas ou particulares de ensino médio

 

Imagine uma disciplina aberta a qualquer estudante de graduação da USP, independentemente da faculdade ou instituto, cujo tema fosse matemática. Nesse curso, a sala seria composta por pessoas das mais diversas áreas: ciências humanas, exatas e biológicas. Cada aula seria ministrada por um professor diferente, explorando sempre novos temas, muitos deles até então sem espaço inclusive nas grades dos cursos de exatas. O debate seria estimulado, bem como as atividades práticas. Nos tempos da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL), cursos como o de Física, Química, Matemática e Estatística, Biociências, Geociências, Psicologia e Filosofia eram estreitamente ligados por possuírem, em suas grades curriculares, disciplinas em comum. Após a Reforma Universitária, em meados dos anos 1970, esses cursos se separaram para a criação de Institutos e Faculdades autônomas, o que acabou dificultando a existência de disciplinas interunidades.

Foi com base nessa ideia de maior integração entre as áreas do conhecimento que o Diretor do IME, Prof. Clodoaldo Ragazzo, junto com outros professores do instituto, conceberam uma nova disciplina oferecida como optativa livre para a USP. Com o intuito de criar um ambiente mais interdisciplinar no instituto, foi criada a disciplina MAP2003 - Panoramas da Matemática. O objetivo da matéria é introduzir alguns conceitos básicos de Matemática a alunos da USP não necessariamente ligados aos cursos de exatas.

E parece estar dando certo: a primeira turma da disciplina, iniciada no segundo semestre de 2016, já lotou e cerca de 1/3 dos alunos matriculados são da área de humanas. Os cursos são diversos: existem alunos de Direito, Letras, Audiovisual, Filosofia, dentre outros. A maior parte da sala ainda é das exatas, com alu-nos do Bacharelado do MAP ou da Poli, mas até para esses estudantes vários assuntos explorados em aula (como Matemática e Mágica e Teo-ria dos Nós) são novidade.

Segundo o professor Eduardo Colli, um dos responsáveis pelo curso, as aulas são ministradas cada dia por um professor diferente: “cada aula tem um professor convidado para falar de um assunto. São palestras ampliadas, vamos dizer assim, e o que conta é a participação dos alunos, o fato deles estarem aí vendo coisas diferentes”.

Renato Rodrigues, estudante de Letras, é um dos matriculados na disciplina, que conheceu ao procurar optativas livres oferecidas no IME: “Nos últimos tempos, tenho tido o interesse em voltar a estudar matemática, em conhecer áreas da matemática que não são tão difundidas na escola. Por isso decidi procurar alguma optativa no IME, encontrei essa, li a ementa e resolvi me inscrever”. O estudante ainda ressalta a importância do oferecimento de disciplinas interdisciplinares na USP: “Uma das coisas mais importantes da universidade como instituição de ensino é proporcionar um ambiente de integração entre suas áre-as de estudo. Eu acho importantíssimo que haja iniciativas para aproximar os estudantes das diferentes faculdades e institutos da USP”.

 

corda 400 

 

 

Conteúdo originalmente publicado no Acontece no IME, número 38, de setembro de 2016.

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES

Auditório Jacy Monteiro - Bloco B do IME-USP

 

Terça-feira (27/set/2016)

14h00 Abertura
14h10 Apresentações - parte I
Nilo Gonçalves Barbedo (Oscar João Abdounur)
Título: "Resolução Resolução de Problemas: estudo de alguns casos".
Ana Olivia Ramos Pires Justo (Marcos N. Magalhães)
Título: "Ensino de Estatística por meio de jogos".
Fabiana de Souza Bomfim (Antonio Carlos Brolezzi)
Título: "História da Matemática e cinema: o caso da criptografia".
15h30

Café e Lançamento de livro:

TREVIZAN, W. A., BROLEZZI, A. C. Como ensinar análise combinatória.

São Paulo: Editora Livraria da Física, 2016

16h00 Reuniões paralelas:
a) Estudantes (Aud. Jacy Monteiro)
b) Orientadores (sala B1)


Quinta-feira (29/set/2016)

14h00 Apresentações - parte II
Rodrigo Ruiz Campos (Antonio Carlos Brolezzi)
Título: "Desenvolvendo a capacidade de argumentação e demonstração dos alunos do Ensino Médio".

Cynthia Militão Domingos (Ana Paula Jahn)
Título: "Ensino Ensino e aprendizagem de Geometria Analítica: uma experiência com coordenadas e distâncias no plano e no espaço".

Paola Burgatt Meneghesso (Bárbara Corominas Valério)
Título: "Atividade de investigação nos currículos de Matemática do Ensino Fundamental 2".
15h30 Intervalo - Café
16h00 Reunião geral:
Informes gerais;
Avaliação do programa, sugestões e críticas.

"Apesar de a maioria dos participantes do Nascente ser de alunos de cursos relacionados às artes – em especial os oferecidos na Escola de Comunicações e Artes (ECA), na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) e na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) –, todos os anos diversos inscritos surpreendem por sua origem acadêmica improvável.

Neste ano, por exemplo, destacaram-se os alunos Daniel Cukier, finalista da área de Música, que se apresentou com a Valsa do Empreendedor e cativou a plateia na festa de premiação, e Filipe Albuquerque Russo, menção honrosa na categoria Texto com o trabalho Asfixia, ambos estudantes do Instituto de Matemática e Estatística (IME)." Trecho extraído do texto http://jornal.usp.br/cultura/mostra-cultural-da-usp-premia-alunos-artistas/

 

O Programa Nascente, em sua 24ª edição, tem como objetivo estimular a participação dos estudantes a desenvolverem uma experiência artística, nas categorias Artes Cênicas, Artes Visuais, Audiovisual, Design, Música Erudita, Música Popular e Texto. Ao final são premiados os melhores artistas da USP.

 

Parabéns aos nossos dois alunos por fazerem parte desse grupo !

 

 

As inscrições para a 2ª edição de 2016 do Programa USP iFriends, dirigidas aos alunos de graduação, estão abertas entre 11 de julho e 31 de agosto de 2016. O aluno USP poderá se inscrever pelo item “USP iFriends” no menu do Sistema JupiterWeb, onde encontrará mais informações. Há cerca de 900 intercambistas inscritos no programa esperando o contato dos alunos. Confira o vídeo de divulgação:

Holandeses 10 Holandeses 9

Em 06.07.2016, a Comissão de Relações Internacionais do IME recebeu a visita de estudantes da University of Delft - Holanda. Os estudantes participaram de 02 seminários ministrados pelos Prof.ºs Pedro Peixoto e Renata Wassermann, e após aproveitaram as atividades da Matemateca do IME.

Estarão abertas as inscrições, a partir de 04/07/2016, para Bolsa de Pesquisa Iniciação Científica e para Bolsa de Pesquisa Mestrado - Projeto IME e Instituto Butantan do MAC
 
As inscrições poderão ser feitas na sala 14B/CRINT.
 
Os editais podem ser consultados em: